domingo, 18 de maio de 2008

A incógnita não é bem o X...

Como lidar com coisas que não se sabe que se tem??? (Talvez isso entre na última pesquisa...rs. Juro que não foi de propósito!!!). Se já é dificil lidar com coisas corriqueiras, ainda aparecem outras coisinhas que deixa a gente mais perdido ainda.

Conhece-te a ti mesmo, disse ele. A resposta para muitas perguntas é a capacidade de olhar e analisar uma coisa que está tão perto, e ao mesmo tempo tão longe: nós mesmos. A gente tem mania de analisar as coisas quando se refere aos outros, né??? Mas quando o calo que aperta é o nosso, a gente perde aquele sentimento julgador e passa ao desculpismo. Tem motivo pra tudo! Tem justificativa pra tudo!

Talvez a grande dificuldade seja o medo. O medo de perder o controle das coisas, e muitas vezes tudo o que é novo acaba colocando essa pressão.

Essa semana eu prometi que vou começar diferente. Aceitar o novo, e pensar mais e melhor no velho. Porque um e outro, não importa o quanto a gente lute contra, vão continuar andando juntos.

3 comentários:

Erik Malagrino disse...

Queime seus navios

Renata Sá disse...

É isso mesmo..... Desculpismo..... as vezes tentamos achar uma explicação, ou até mesmo querer explicar coisas que simplesmente não tem, ou nem precisam.

Bruno Speria disse...

Acho que pior que o desculpismo é o derrotismo que é quando não aceitamos as derrotas que possam ser inflingidas na nossa vida por conta de nossas escolhas.... acho que é pior porque nos leva a depressão...
Adorei o texto....